Política

PSDB define comissão


O PSDB decidiu que a comissão responsável pelas prévias presidenciais do partido irá definir caso a caso a possibilidade de participação no pleito interno de 92 prefeitos e vice-prefeitos de São Paulo cujas datas de filiação estão sob suspeita.

A decisão por aclamação foi tomada em reunião da executiva nacional do partido no início da tarde desta quinta-feira (28). Enquanto a comissão não tomar essa decisão, que deve acontecer nas próximas semanas, todos eles estão suspensos de participar da votação.

A filiação dos prefeitos e vice-prefeitos se tornou o principal ponto de embate entre os apoiadores dos dois principais concorrentes às prévias tucanas, o governador de São Paulo, João Doria, e o do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite. Na semana passada, diretórios do PSDB do Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Bahia e Ceará, alinhados a Leite, acusaram o diretório paulista, controlado por Doria, de fraudar as datas de filiações desses prefeitos e vices.

As regras das prévias determinam que só filiados até 31 de maio poderiam participar -o PSDB-SP diz que as filiações foram feitas antes do prazo, mas os aliados do governador gaúcho apontam que as fichas foram fraudadas com data retroativa.

A decisão de enviar os casos para análises individuais às comissões de prévias havia sido anunciada nesta quarta (27) pelo presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo.

 (FP)


Notícias relevantes: