Política

GLEISI: SEM MIMIMI DE MERCADO


Enquanto continuam ecoando manifestações sobre o post de Lula comentando a reforma trabalhista espanhola, a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, garante que, ao contrário de 2002 (quando ele se elegeu pela primeira vez para a Presidência), agora "não haverá carta ao povo brasileiro nem superministro da Economia". "Nós não vamos quebrar contratos", afirma Gleisi. "E não tem mimimi de mercado".


Notícias relevantes: