Política

Bolsonaro escreve sua 'carta'


Em um texto com 27 palavras, o presidente publicou na noite de quinta-feira (28) sua própria carta em defesa da democracia: "Carta de manifesto em favor da democracia. Por meio desta, manifesto que sou a favor da democracia. Assinado: Jair Messias Bolsonaro, presidente da República Federativa do Brasil".

Essa foi mais uma resposta à "Carta às brasileiras e aos brasileiros em defesa do Estado democrático de Direito", texto que será lido no dia 11 de agosto na Faculdade de Direito da USP e acumula milhares de adesões desde que foi aberta ao público na terça-feira (26).

Bolsonaro já havia reagido outras vezes à iniciativa. Na quarta (27), o presidente afirmou que não precisa de "cartinha" para dizer que defende a democracia. Ele não citou a iniciativa diretamente. A um grupo de apoiadores, ele afirmou que o manifesto estaria vinculado a interesses de grandes bancos e instituições financeiras, que estariam incomodados com a criação do Pix.

 (Folhapress)


Notícias relevantes: