Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Ambulantes faturam em portas de escolas

| 05/10/2014 | 23:16

Neste domingo (05), na porta de vários colégios eleitorais de Jundiaí, vendedores ambulantes aproveitaram as eleições e a grande movimentação nas ruas para ganhar um dinheiro extra. Quem teve sorte foi Edivaldo Trajano da Silva – conhecido popularmente pelos clientes como Vavá -, 60 anos, que levou seu carrinho de pipoca pela primeira vez até a frente da Escola Estadual Bispo Dom Gabriel Paulino Bueno Couto, no Anhangabaú. “Me surpreendi com o movimento. Vou ficar aqui o resto do dia e nas próximas eleições”, brincou, enquanto servia mais pipoca.

Norma Lopes, 42, ainda estava aquecendo as vendas na barraca de pastéis, na frente da mesma escola. “Faz 17 anos que eu venho nas eleições, mas acho que por causa do recadastramento biométrico os eleitores ficaram no próprio bairro onde moram”, disse, depois de atender cerca de 80 clientes.
A barraca de cocadas e espetinhos doces de Ademar de Oliveira, 36, estava montada desde as 5h. “Vou ficar aqui até as 17h e espero que venha bastante gente. Precisa vir, né?”, dizia o vendedor, que circula pela cidade há 20 anos sem ponto fixo.

Gilvair Antonio Natalino, 39, faturou cercar de R$ 1.200 vendendo cocadas e maçãs do amor em frente à Escola Estadual Cel. Siqueira Moraes, no Vianelo. “Tomara que dê segundo torno para vender mais. Valeu a pena”, comemorava.


Link original: https://www.jj.com.br/politica/ambulantes-faturam-em-portas-de-escolas/
Desenvolvido por CIJUN