Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Bolsonaro aciona PRG contra o PSL e mais no Pela Ordem

Angelo Augusto | 31/10/2019 | 07:30

Bolsonaro aciona PRG contra o PSL

O presidente Jair Bolsonaro acionou na quarta-feira (30) a Procuradoria-Geral da República pedindo o bloqueio do fundo partidário de seu partido, o PSL. Ele pede ainda que o presidente da sigla, deputado Luciano Bivar (PE), seja afastado do cargo. Bolsonaro também solicitou que seja aberta uma investigação para a “apuração dos indícios de ilegalidades” na movimentação do dinheiro que é repassado pelo TSE.

100 anos do  12ª GAC na Câmara

No dia 7 de novembro (quinta-feira), a Câmara de Jundiaí realizará uma Sessão Especial em comemoração ao centenário do 12º Grupo de Artilharia de Campanha – “Grupo Barão de Jundiahy”. O evento terá início às 19h no Plenário da Câmara e será aberto ao público. Também será transmitido ao vivo pela TV Câmara e pela internet.

Farpas entre Witzel e Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro acusou ontem (30) o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), de “conduzir” o processo do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e vazar segredos de Justiça para prejudicá-lo. Em resposta, Witzel negou que tenha vazado qualquer tipo de informação e disse que sequer teve acesso às investigações. “Que a Polícia Federal investigue e tome as devidas providências”, completou.

Oposição não quer moro investigando

Líderes da oposição no Congresso querem que o porteiro do condomínio onde o presidente Jair Bolsonaro (PSL) tem casa seja incluído em um programa de proteção a testemunha. A ideia é evitar que ele seja coagido. A oposição defende ainda que a investigação sobre a execução da vereadora Marielle Franco, mesmo após a citação a Bolsonaro, não vá para as mãos do ministro da Justiça Sérgio Moro.

Desafios que incentivam suicídio

A Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei do Senado que tipifica como crime induzir crianças e adolescentes ao suicídio e à automutilação. A votação ocorreu de maneira simbólica. Como houve alterações na Câmara, o PL volta ao Senado. A relatora, deputada Caroline De Toni (PSL-SC), incluiu no texto as punições à indução ao suicídio, e não apenas a indução a práticas de atos prejudiciais à saúde.

PGR é contra a liberação de Lula

A Procuradoria-Geral da República (PGR) enviou ontem (30) um ofício para o Supremo Tribunal Federal (STF) no qual defende que as condenações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não sejam anuladas. A anulação foi pedida na segunda-feira (28) pela defesa de Lula ao STF e incluía três processos contra o petista na Justiça Federal do Paraná. Os advogados de Lula ainda requisitaram a liberação dele.


Leia mais sobre | | | | | | |
Link original: https://www.jj.com.br/politica/bolsonaro-aciona-prg-contra-o-psl-e-mais-no-pela-ordem/
Desenvolvido por CIJUN