Política

Confira os destaques da política desta sexta-feira


2014-10-02_23-43-15_1
Crédito: Reprodução/Internet

De olho em Jundiaí - Com o domingo (5) próximo, são muitos os candidatos de fora de Jundiaí que estão vindo à Região para pedir votos por aqui. Nas ruas e principais avenidas, cavaletes e placas de candidatos quase desconhecidos pela população local também são vistos em grande quantidade. Resta saber se o acúmulo de propaganda ajuda a escolha ou confunde ainda mais o eleitor indeciso que, segundo pesquisas, ainda é numeroso no País.   

Helicóptero - O candidato a deputado federal, Celso Russomano (PRB) chegou ontem em Jundiaí de helicóptero. Piloto, ele mesmo pousou no campo do Nacional Atlético Clube e voltou de carro para São Paulo por conta do vento forte do fim da tarde. Russomanno já teve mais de 4 mil votos de Jundiaí quando eleito deputado em 2006. Em 2010, mais de 9 mil jundiaienses votaram nele para governador, informaram ainda seus assessores.

Onde votar? - Além do aplicativo para apuração do resultado das eleições, já está disponível para ser baixado em smartphones e tablets o aplicativo “Onde votar ou justificar”, criado pela Justiça Eleitoral para facilitar o acesso do eleitor brasileiro ao local de votação e aos postos de justificativa, caso esteja fora do seu domicílio eleitoral. O aplicativo funciona como um guia que auxilia os eleitores em dúvida sobre a zona ou seção em que votam.

Último dia - Segundo o calendário eleitoral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ontem, 48 horas antes do dia eleição, foi o último dia para a transmissão da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão. O prazo acabou também ontem para a realização de propaganda política em reuniões públicas e para a promoção de comícios e a utilização de aparelhagem de sonorização fixa, que podem ocorrer entre 8h e 24h. 

Salvo-conduto - Debates no rádio e na televisão entre os candidatos também só puderam ser realizados até ontem. Conforme lei eleitoral, é admitida a extensão do debate caso a transmissão se inicie e se prolongue após a meia-noite. Desde ontem também, o juiz eleitoral ou presidente da mesa receptora de votos poderá expedir ‘salvo-conduto’ em favor do eleitor que sofrer violência moral ou física durante a sua liberdade de votar.

Adversários e sócios - O candidato a federal, Celso Russomanno (PRB), além de se dedicar aos direitos do consumidor e ao seu programa de TV, conduz uma sociedade com seu adversário nas urnas, Robert Rey (PSC), também candidato a federal, de franquias na área de estética. Russomanno e Rey são amigos e devem construir mais de 30 unidades pelo Brasil de clínicas de estética. Cinco delas já foram inauguradas. A promessa é de, inclusive, uma clínica para Jundiaí. 


Notícias relevantes: