Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Conselho de Ética irá avaliar Aécio Neves

FOLHAPRESS | 09/08/2019 | 20:02

O conselho de ética do PSDB que irá julgar os processos contra membros do partido será instalado dentro de dez dias.

Entre os primeiros processos na fila pode estar a permanência ou não do deputado federal Aécio Neves (MG). Em julho, o diretório municipal de São Paulo apresentou uma moção pedindo a expulsão do mineiro.

A informação foi divulgada, nesta sexta-feira (9), pelo presidente nacional do partido, Bruno Araújo (PE), durante o encontro estadual de gestores municipais do PSDB em Minas Gerais.

Araújo disse que quem irá avaliar a situação de Aécio é o conselho, respeitando as regras definidas pelo código de ética aprovado este ano.

As novas regras preveem, por exemplo, que para expulsão de um filiado (seja por corrupção, improbidade administrativa dolosa ou racismo e casos de violência contra mulher, idosos, criança), é necessário que haja uma decisão judicial, transitada em julgado.

Réu em processos, incluindo acusação de corrupção, Aécio Neves ainda não foi julgado pela Justiça. “O ex-senador, ex-governador, deputado Aécio Neves tem da minha parte, e de grande parte do partido, uma relação de absoluto respeito pela sua história, pelo que fez com o Brasil, pelo que fez com Minas. Vai ser tratado com absoluto respeito, especialmente da minha parte, fazendo com que a regra do jogo siga democraticamente”, disse Araújo.

Em julho, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, deu um ultimato sobre a permanência de Aécio no partido. Para os aliados de Aécio, a ala paulista estaria tentando criar “um tribunal de exceção”. No mesmo mês, o diretório municipal da capital paulista elaborou uma moção pedindo a expulsão do deputado mineiro.


Leia mais sobre
Link original: https://www.jj.com.br/politica/conselho-de-etica-ira-avaliar-aecio-neves/
Desenvolvido por CIJUN