Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Enquanto segundo turno não vem, internautas ironizam: ‘Fica, Temer’

CARLOS SANTIAGO | 10/10/2018 | 19:00

O mundialmente conhecido bom humor brasileiro ataca de novo. Entre Jair Bolsonaro esterçando o volante da Nação totalmente para a direita ou Fernando Haddad indo pedir conselhos em uma cela da Polícia Federal em Curitiba, mais de 106 mil postagens haviam sido feitas, até ontem por volta das 13h30, na página do Facebook do presidente Michel Temer.

Os milhares de posts estão trafegando pelo ciberespaço sob a tag ‘ficatemer’ – o que pode dar um nó na cabeça dos desavisados ou de internautas do exterior pouco afeitos ao temperamento nacional. Mas que o próprio Temer nem pense em macular (ainda mais) a faixa presidencial e promover um autogolpe – expressão que também anda em alta.

Basta que o presidente (ou seus consultores) leiam com atenção para entender todos os traços de ironia, deboche e escárnio nos comentários. E qualquer argumento serve. Tem desde convite à base da legítima bebida nacional (“Fica Temer. Eu passo um cafezinho pra você”) a uma leitora de Antoine de Saint-Exupéry (“Volta, meu pequeno príncipe. Chama o Meirelles!”).

Há, ainda, aqueles que, como se estivessem mergulhados em uma discussão de relacionamento, juram de pé junto que não foi bem assim (“Eu nunca te critiquei. Era mentira”) ou ainda quem se aproveite de um dos sucessos de Vanessa da Matta para expor seus sentimentos, reproduzindo um trecho cuidadosamente escolhido de uma letra da cantora matogrossense (“Não me deixe só/Eu tenho medo do escuro/Eu tenho medo do inseguro”).

Tem, também, quem jogue pesado (“Sem você, a corrupção não é mais a mesma”) ou “O jeito que você roubava o país era único, sabe?”. E também existem aqueles que lembram do modo como Temer chegou ao poder – mas, agora, elogiando aquilo que consideram uma qualidade às avessas: “Querido, você que é especialista em ficar no lugar dos outros, fica mais uma vez. Ninguém quer o ruim ou o muito péssimo”.

Por fim, duas postagens fazem um resumo perfeito da situação pela qual passa o país: “Temer, no auge de sua popularidade” e “Nosso malvado favorito”. Os comentários de ‘ficatemer’ podem ser acessados na página do Facebook do presidente da República (facebook.com/MichelTemer), bastando clicar na foto do perfil dele.

Foto: reprodução/internet

Foto: reprodução/internet


Link original: https://www.jj.com.br/politica/enquanto-segundo-turno-nao-vem-internautas-ironizam-fica-temer/
Desenvolvido por CIJUN