Política

Paulo Guedes recebe prefeito Luiz Fernando; Confira outros destaques no Pela Ordem


Paulo Guedes recebe Prefeito Luiz Fernando
Após diversas reuniões em Jundiaí com representantes do G-20 (os 20 maiores PIBs do estado de São Paulo), que foram lideradas pelo prefeito Luiz Fernando Machado (PSDB) a fim de discutir o reflexo da reforma tributária nos municípios brasileiros - próxima reforma a ser discutida no País -, o prefeito foi convidado para uma reunião hoje, com o ministro da Economia, Paulo Guedes, em Brasília, para iniciar a interlocução federal.
Reflexos para a economia das cidades
Além de Luiz Fernando, participarão do encontro os prefeitos de São Bernardo do Campo, São José dos Campos e Ribeirão Preto. O maior entrave da discussão é abrir mão de receitas estaduais, como o ICMS, que impacta sobremaneira os municípios. “O cidadão vive no município e desconhece de onde vem a receita”, afirma Luiz Fernando.
BNDES já devolveu R$43,76 bilhões
O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) devolveu R$ 43,76 bilhões ao Tesouro Nacional desde a posse do Presidente Jair Bolsonaro.Só em maio, o BNDES devolveu R$ 30 bi aos cofres públicos. Os outros R$ 16 bi foram devolvidos entre janeiro e abril. Em outubro de 2018, o déficit era de aproximadamente R$ 270 bilhões. A expectativa era de que a instituição devolvesse R$ 26,6 bi em 2019
Ministro da economia tem celular hackeado
O celular do ministro da Economia, Paulo Guedes, foi hackeado. O número de Guedes foi registrado no aplicativo de mensagens Telegram. Em seguida, sua equipe anunciou que o aparelho havia sido invadido. De acordo com a assessoria do ministério, medidas cabíveis sobre o caso seriam tomadas. Na última semana, a líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann, também afirmou ter sido vítima de um hacker.
Haddad ganha força para presidir PT
O ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, tem o nome apoiado por setores do PT para a presidência da sigla. A posição foi externada pelo presidente do diretório petista no Rio, Washington Quaquá, em texto publicado nas redes sociais. No entanto, falta o principal para a candidatura tomar corpo: o aval do ex-presidente Lula. A atual presidente do PT, Gleisi Hoffmann, tem sido a voz de Lula desde que ele foi preso.
Enem prorroga prazo para professores
A próxima segunda-feira, 29 de julho, é o prazo para que professores e servidores públicos possam se cadastrar para trabalharem na aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O período da inscrição foi prorrogado para dar mais chances aos interessados. A ideia é que os selecionados possam atuar como certificadores representando o Inep. Pelo trabalho, serão pagos R$ 342 por dia de exame. [caption id="attachment_63329" align="aligncenter" width="1140"] O ministro da Economia, Paulo Guedes (Foto: Agência Brasil)[/caption]  

Notícias relevantes: