Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Pessoas com deficiência podem votar acompanhado

| 04/10/2014 | 00:00

No domingo, mesmo que não tenha feito o pedido antecipadamente ao juiz eleitoral (até 7 de maio), o eleitor com deficiência, mobilidade reduzida ou idosos com dificuldades de locomoção poderão votar com o auxílio de uma pessoa de sua confiança. Para isso, o presidente da mesa de votos deve verificar que a medida é imprescindível.

Nesse caso, uma segunda pessoa será autorizada a ingressar na cabine e poderá, inclusive, digitar os números na urna. Mas esta pessoa não pode estar a serviço da Justiça Eleitoral nem de partido político. Para votar neste ano, 148.667 eleitores com algum tipo de deficiência solicitaram atendimento especial. Em Jundiaí, 7 mil pediram seção especial. Ao todo, serão necessários 61 locais adaptados.

Pessoa com deficiência ou com mobilidade reduzida tem preferência para votar, mas é respeitada a seguinte ordem: candidatos, juízes eleitorais, servidores da Justiça Eleitoral, promotores eleitorais, policiais militares em serviço, eleitores com mais de 60 anos, enfermos, eleitores com deficiência ou mobilidade reduzida e, por fim, mulheres grávidas e lactantes. Este ano serão 32.267 seções eleitorais especiais em todo o País, 80% a mais que em 2010.


Link original: https://www.jj.com.br/politica/pessoas-com-deficiencia-podem-votar-acompanhado/
Desenvolvido por CIJUN