Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

PSB expulsa vereador Albino

Angelo Augusto | 22/10/2019 | 17:35

O Partido Socialista Brasileiro, PSB, por decisão unânime dos membros de sua Executiva municipal e estadual, decidiu pela expulsão do vereador jundiaiense Antônio Carlos Albino.

Albino havia se envolvido em uma polêmica em que moradores do bairro Eloy Chaves postaram fotos em um grupo do whatsapp de um adolescente negro que tirava fotos das residências do bairro, classificando a atitude do garoto como “suspeita”. O vereador, que faz parte desse grupo, replicou as mensagens, juntamente com um áudio que pedia para que, caso alguém avistasse o menino, ligasse para a Guarda Municipal (GM).

Parte da população viu a atitude do vereador e dos moradores do bairro como preconceituosa. Albino negou ter agido com preconceito, e disse que essa é a recomendação da GM para esse tipo de caso.

“O Partido Socialista Brasileiro, PSB, fundado há 72 anos, no Rio de Janeiro, defende os direitos humanos consagrados na Carta das Nações Unidas e no seu Estatuto ­­­Programa, destacando as liberdades básicas consideradas fundamentais para a humanidade.

Tais direitos devem ser garantidos, sem qualquer tipo de discriminação, a todo cidadão, seja ele de qualquer parte do mundo, independendo de sua cor, de religião, de nacionalidade, de gênero, de orientações sexual e política.

Por defender esses princípios é que o Partido Socialista Brasileiro de Jundiaí, em função das matérias veiculadas pelos jornais “Folha de S. Paulo”, edição n. 33 063 e “Jornal de Jundiaí”, edição n. 17 862, reuniu a Executiva Municipal do PSB para analisar e discutir o ocorrido que envolveu o vereador Antônio Carlos Albino num suposto caso de racismo.

A Executiva decidiu, então, por unanimidade dos membros da Executiva, pela expulsão do vereador”, diz a nota oficial do PSB.


Link original: https://www.jj.com.br/politica/psb-expulsa-vereador-albino/
Desenvolvido por CIJUN