Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Reajuste no IPTU para 2020 seguirá os índices da inflação

Angelo Augusto Santi | 12/01/2020 | 08:00

Em meio às inúmeras contas de início de ano que todo brasileiro precisa se virar para pagar está o Imposto Predial Territorial Urbano (o famoso IPTU). Em 2020, as cidades do Aglomerado Urbano de Jundiaí (AUJ) terão um leve aumento no valor do imposto, limitado pela baixa inflação.

Em Jundiaí, a prefeitura já informou que o reajuste irá seguir o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que ficou em 3,37%. “Isso significa que não haverá um aumento real, uma vez que a porcentagem está apenas seguindo a inflação do país”, diz a nota enviada ao Jornal de Jundiaí.

Foram enviados em torno de 173.300 carnês e a arrecadação estimada na Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2020 com o IPTU será de mais de R$ 193 milhões, que equivalem a 8% do total da receita total do município. Os vencimentos terão início em fevereiro de 2020 e quem optar pelo pagamento em parcela única, com vencimento em 27 de fevereiro, terá desconto de 5%; nas demais opções o desconto será de até 3%. Além dessas opções de pagamento à vista, o contribuinte pode pagar em até dez parcelas mensais e consecutivas.

Entre os isentos do pagamento do IPTU há cerca de três mil aposentados ou pensionistas, que recebem até três salários mínimos mensais, proprietários de único imóvel e que nele residam, com área construída de até 120 m2.
O maior aumento da região ficou por conta de Campinas, que terá um reajuste de 10% em relação ao ano passado, sancionado no mês de novembro pelo prefeito Jonas Donizetti (PSB).

A Prefeitura de Várzea Paulista confirmou que o imposto foi atualizado em 2,55% para 2020, valor de acordo com a inflação do último ano. Os moradores receberão o carnê pelos correios diretamente em suas residências. Para quem optar pelo pagamento à vista, a prefeitura concederá um desconto de 5% e caso o imposto do ano de 2019 tiver sido quitado sem atrasos, o morador terá mais 5%, totalizando 10%.

Um dos menores aumentos da região ficou por conta do município de Vinhedo, que terá 2,54% de reajuste. Já em Itupeva, a variação será de 2,89%, também obedecendo ao percentual de variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) dos últimos 12 meses.

No município de Campo Limpo Paulista a prefeitura informou que os índices do IPTU só serão divulgados entre os dias 15 e 20 de janeiro.


Leia mais sobre |
Link original: https://www.jj.com.br/politica/reajuste-no-iptu-para-2020-seguira-os-indices-da-inflacao/
Desenvolvido por CIJUN