Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Secretário de Cabral transferiu US$ 1,5 mi

BÁRBARA DE OLIVEIRA MANGIERI - bmangieri@jj.com.br | 04/03/2018 | 00:39

O ex-secretário de Saúde do Rio de Janeiro e réu na Lava Jato, Sérgio Côrtes, disse que transferiu US$ 1,5 milhão de uma conta que possuía na Suíça, fruto de propinas, para o grupo Odebrecht.

Foto: Reprodução/ Internet

Foto: Reprodução/ Internet

Relatou ainda que o dinheiro seria internalizado posteriormente no Brasil pela empreiteira e devolvido a ele, mas que isso nunca ocorreu. Também disse que transferiu US$ 200 mil ao ex-executivo da empresa Benedicto Júnior, classificado como um amigo a quem devia favores. Côrtes foi interrogado novamente pelo juiz Marcelo Brettas, da 7ª Vara Federal Criminal, nesta sexta-feira (2), a pedido de sua própria defesa. O objetivo era trazer fatos novos ao processo aberto a partir da Operação Fatura Exposta, que investiga o pagamento de propinas milionárias por empresas do setor de saúde ao próprio Côrtes e a outros integrantes do governo do ex-governador Sérgio Cabral. (AB)


Link original: https://www.jj.com.br/politica/secretario-de-cabral-transferiu-us-15-mi/
Desenvolvido por CIJUN