Política

Sem aumento para funcionários públicos de Cabreúva e mais no Pela Ordem


Reunião na sede do PSDB Jundiaí O primeiro encontro das coordenadorias do PSDB Jundiaí, que aconteceu na última quinta-feirta (10), contou com filiados e lideranças da sigla e lotou sua sede. “Depois de cada segmento ter se reunido e definido seus presidentes, vices, secretários e membros, vamos realizar um grande encontro dia 28 de novembro, já com todas as coordenadorias estabelecidas”, disse o presidente do PSDB Jundiaí, Faouaz Taha. Sem aumento para assistentes de sala A Prefeitura de Cabreúva não ofereceu aumento para as auxiliares de classe nas escolas municipais, que chegaram inclusive a entrar em período de greve no começo do mês de setembro. Foi emitido um comunicado, em que a prefeitura informou que não irá propor aumento de salário para os funcionários públicos na área de educação. Sérgio Moro: “é porrete ou cenoura” O ministro da Justiça Sergio Moro afirmou ontem (11) que sua pasta será intolerante com os presos em unidades federais ou sob intervenção que permanecerem "faccionados", ou seja, filiados a organizações criminosas. "É o porrete ou a cenoura", afirmou o ministro. Segundo ele, os presos têm de fazer uma escolha básica: "ou eu permaneço faccionado ou obtenho benefícios". Objetivo é enfraquecer essas facções. Doria é vaiado em evento com presidente Enquanto o presidente Jair Bolsonaro (PSL) foi recebido aos gritos de "mito" na formatura de sargentos da Polícia Militar em São Paulo, na manhã desta sexta-feira (11), o governador paulista João Doria (PSDB) foi alvo de vaias da plateia formada por familiares dos formandos. Apesar do rompimento anunciado, em discurso, Doria saudou Bolsonaro e buscou uma posição de alinhamento ao governo federal. Trump reitera apoio ao Brasil na OCDE O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reiterou na última quinta-feira (10) o apoio à entrada do Brasil na Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). Em uma postagem no Twitter, Trump afirmou que a declaração conjunta assinada durante a visita de Bolsonaro à Casa Branca em março continua valendo. Os EUA ainda não oficializaram o apoio à candidatura do Brasil. Mourão, em Roma, fala sobre soberania Vice-presidente da República, o general Hamilton Mourão afirmou nesta sexta-feira (11) em Roma que o governo brasileiro não aceita ficar com o papel de vilão no debate sobre a preservação da Amazônia, região que é tema do sínodo da Igreja Católica que acontece desde a última segunda (6) no Vaticano. Ele reforçou a soberania brasileira no que diz respeito aos assuntos relacionados ao bioma e disse que se reunirá com representantes do papa Francisco.

Notícias relevantes: