Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Água invade casas no Jardim Samambaia

| 09/05/2014 | 18:12

Os moradores da Itupeva ficaram assustados com a forte chuva da noite deste sábado, principalmente os que moram na parte baixa da rua Cabreúva, no Jardim Samambaia, já que tiveram suas casas invadidas pela água. Outros pontos, como a avenida Ulisses Guimarães, na Vila São João e rua Jundiaí, na região central, também foram atingidas, mas a água não chegou até as casas.

Durante a madrugada, o prefeito Ricardo Bocalon visitou as áreas atingidas e determinou ações para minimizar os danos causados. Na ocasião foram acionadas várias equipes (Defesa Civil e Guarda Municipal) que mantiveram contato com os moradores. Segundo Bocalon, as regiões que margeiam os córregos Piracatu e da Lagoa sofrem com alagamentos há muito tempo, já que as construções estão em nível muito próximo ao do rio Jundiaí.

Por conta disto, há o refluxo das águas por meio da canalização de esgoto, ficando impossibilitado qualquer escoamento de água pluvial. “Foi uma chuva muito intensa e logo que tomamos conhecimento do incidente direcionamos toda a atenção aos moradores, sendo providenciada a entrega imediata de água potável e lanches, além de um kit de limpeza com água sanitária, rodo, vassoura e balde.

Também providenciamos a triagem das famílias que deverão receber colchões e todo apoio por parte da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social”, comentou o prefeito. No bairro Monte Serrat um muro desabou atingindo parte de uma residência. O Corpo de Bombeiros de Itupeva direcionou viaturas para os locais mais críticos, sendo também empregado um bote salva-vidas para a retirada de moradores das casas alagadas.

Ainda não há dados oficiais da quantidade de pessoas e casas prejudicadas, mas segundo a Defesa Civil de Itupeva não houve nenhuma família desalojada ou desabrigada. Equipes de limpeza trabalharam durante a madrugadas para recolher o lixo deixado pelas águas, limpando as ruas e avenidas.

O prefeito Bocalon recebeu na manhã deste domingo (13) uma comissão de moradores para avaliar a situação. Na próxima quarta-feira haverá outra reunião para, de fato, pontuarem o que será feito para minimizar o problema dos moradores. Desde janeiro de 2013, a administração municipal desenvolve obras e promove ações contra enchentes, mantendo um plano integrado que envolve 13 secretarias municipais.

Os pontos mais críticos da cidade passam por intervenções, principalmente na questão da limpeza e desassoreamento dos córregos. Outras ações para  resolver o problema dos alagamentos estão em fase de detalhamento de obra.

Em Jundiaí
A Defesa Civil de Jundiaí foi acionada na noite de sábado para atender duas ocorrências. Uma foi a queda de um muro no Jardim Tamoio ocasionando o abalo na estrutura da residência. A segunda foi no Medeiros onde parte de uma edícula caiu. Nas duas ocorrências não foram registradas vítimas. O Corpo de Bombeiros não foi acionado para ocorrências graves.

Apenas pontuou a queda de árvores na região do Santa Clara, por conta do vento forte. Já a Companhia Piratininga de Força e Luz (CPFL), por meio de sua assessoria de imprensa, informou que o balanço de falha no fornecimento de energia será feito apenas hoje. Vários semáforos ficaram apagados durante toda a noite de sábado e parte da manhã deste domingo (13). Quem passou pelo Centro e Ponte São João teve que redobrar a atenção.


Link original: https://www.jj.com.br/regiao/agua-invade-casas-no-jardim-samambaia/
Desenvolvido por CIJUN