Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Sabesp começa captação do rio Jundiaí

| 17/10/2014 | 07:21

Desde a semana passada, a Sabesp vem captando 60 litros de água por segundo, do Rio Jundiaí. O volume está sendo levado, por meio de tubos, até a represa de abastecimento, localizada no Clube de Campo da cidade. De lá, é bombeada para a ETA (Estação de Tratamento de Água) do Jardim das Palmeiras, de onde poderá ser retirada e novamente represada, se houver necessidade. A medida deverá garantir o fornecimento durante a crise hídrica que atinge todo Estado.

A partir do início de 2015, com a instalação da bomba na estrutura em construção, será possível captar 100 litros de água por segundo. A oferta de água ao município será aumentada em 30%. A obra custará à empresa aproximadamente R$ 550 mil e, nos próximos anos, o processo poderá ser repetido, se necessário.

O secretário explica que a Prefeitura, em conjunto com a empresa, optou por captar a água, no trecho que se inicia antes do deságue do Córrego Pinheirinho.

De acordo com a Sabesp, o Rio Jundiaí é enquadrado, segundo o Decreto Estadual na classe 2, ou seja, a água é considerada boa e está apta para o abastecimento humano, depois de submetida a tratamento convencional.


Link original: https://www.jj.com.br/regiao/sabesp-comeca-captacao-do-rio-jundiai/

Os comentários estão desativados.

Desenvolvido por CIJUN