Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Jundiaí visita modelo de Farmácia de Alto Custo

DA REDAÇÃO | 09/10/2019 | 08:53

Buscando ser um polo de distribuição de medicação de alto custo da Secretaria de Estado da Saúde (SES) e, com isso, acelerar o atendimento à população, além de reduzir as falhas na distribuição, a Prefeitura de Jundiaí visitou, nesta terça-feira (8), modelo implantado na cidade de São Bernardo do Campo, semelhante ao que é pleiteado pelo Município.

A visita acontece uma semana após reunião realizada na sede estadual da pasta, com o Prefeito Luiz Fernando Machado e gestores das Unidades de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS) Tiago Texera e Governo e Finanças (UGGF), José Antonio Parimoschi, o vereador Wagner Ligabó, com o secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann Ferreira.

As medicações de alto custo são de responsabilidade do Estado, tanto para a compra, quando para a disponibilização aos polos. “Jundiaí passando a receber as medicações diretamente do Estado, o atendimento será agilizado à população. A principal vantagem será a redução nas falhas, já que teremos o controle do estoque.

Outra melhoria será o acesso ao sistema estadual, que facilitará, já na triagem, possibilitando informar ao usuário se a medicação está ou não disponível rapidamente.

Durante a visita que fizemos ao serviço, que em São Bernardo foi implementado numa unidade do Poupatempo, ficou evidente os ganhos que serão acrescidos à população”, detalha o gestor Tiago Texera, que esteve na cidade do Grande ABC, acompanhado do vereador Cícero Camargo da Silva.

A cidade conta, atualmente, com certa de nove mil pessoas atendidas por mês com medicações distribuídas pelo Estado, no espaço da Farmácia Central, com média de 300 pessoas por dia. Outra alteração que será implementada se Jundiaí passar a ser polo, será a autorização e renovação de processos para a recepção de medicamentos.

“Pelo usuário precisar da autorização de Campinas para a recepção da medicação ou renovação do pedido, há demora, e isso, pode gerar desassistência ao paciente. Sendo polo, teremos autorizadores aqui, ou seja, promovendo celeridade ao atendimento dos usuários”, argumenta o gestor.

“Temos buscado os avanços no atendimento à Saúde dos jundiaienses. Durante a reunião realizada em São Paulo, no dia 30 de setembro, o secretário ficou de encaminhar um modelo de atendimento para a cidade.

Em breve receberemos visita de equipe técnica estadual para dar continuidade às tratativas”, explica o Prefeito Luiz Fernando Machado.


Leia mais sobre |
DA REDAÇÃO
Link original: https://www.jj.com.br/saude/jundiai-visita-modelo-de-farmacia-de-alto-custo/
Desenvolvido por CIJUN