Vídeos

CoronaVac tem de 78% a 100% de eficácia contra casos graves de covid e Butantan pede uso emergencial à Anvisa

O anúncio oficial foi feito no início da tarde pelo Instituto Butantan durante entrevista coletiva


Divulgação
Após Anvisa suspender teste de Coronavac, governo de SP diz que morte não tem relação com vacina
Crédito: Divulgação

A CoronaVac, potencial vacina contra a covid-19 do laboratório chinês Sinovac, apresenta 78% a 100% eficácia na prevenção de casos graves e moderados de covid-19, mostraram estudos clínicos de Fase 3 da vacina, a informação foi confirmada pelo governador João Doria em coletiva de imprensa realizada na tarde desta quinta-feira (7) no Instituto Butantan.

Segundo informações, o Butantan pediu autorização para uso emergencial da vacina à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) durante reunião nesta manhã entre membros do instituto e representantes da agência reguladora.

O pedido faz da CoronaVac a primeira vacina contra covid-19 a buscar autorização junto à Anvisa. 

Mais cedo, essa fonte confirmou à Reuters informação inicialmente divulgada pelo jornal Folha de S.Paulo de que a CoronaVac mostrou 78% de eficácia na prevenção da doença.


Notícias relevantes: