Últimas

Doria evita mais restrições e anuncia vacinação de pessoas de 72 a 74 anos

Além de manter as regras da fase vermelha do Plano SP, foi anunciada uma próxima etapa de vacinação


Divulgação
João Doria, governador do Estado de São Paulo, em coletiva de imprensa hoje (10)
Crédito: Divulgação

O governador João Doria (PSDB) anunciou nesta quarta-feira (10) que a vacinação de pessoas com 72, 73 e 74 anos será feita a partir de 22 de março. O anúncio foi feito no Palácio dos Bandeirantes, no Morumbi, na zona oeste de São Paulo. 

 

Além de manter as regras da Fase Vermelha do Plano SP, Doria anunciou uma próxima etapa de vacinação contra a doença causada pelo coronavírus. A partir do dia 22, serão vacinados idosos entre 72 e 74 anos.

 

O pronunciamento foi feito em momento de aumento da pressão por leitos em UTI e o número crescente de óbitos, o Centro de Contingência analisa restringir o horário de funcionamento de supermercados, açougues e padarias. São serviços essenciais que, atualmente, podem receber clientes livremente, seguindo os protocolos de segurança. 

 

Há ao menos duas semanas, os técnicos do Centro de Contingência pressionam por medidas mais restritivas no estado, mais próximas a um lockdown -quando só se pode circular para tarefas urgentes, como comprar comida ou remédios.

 

Nesta terça, 19 hospitais estaduais paulistas atingiram 100% da ocupação de leitos de UTI para covid-19, e outros seis estão com taxas superiores a 95% de ocupação e estão perto de saturar.

 

São Paulo foi o estado com maior número de mortes registradas nesta terça e bateu recorde de óbitos, 517 (antes, no dia 29 de julho de 2020 o estado tinha registrado 713 óbitos, mas tratava-se da soma do dia em questão e do anterior, quando ocorreu um problema técnico com os registros). Com isso, São Paulo chegou a 62.101 mortes pela doença em um ano de pandemia.

 

O estado também atingiu nesta terça a maior taxa de ocupação dos leitos de UTI, com 82% deles ocupados.


Notícias relevantes: