Últimas

Covid-19: fiscalização interdita 19 estabelecimentos no Rio


Divulgação/Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro/Direitos Reservados
Prefeitura intensifica fiscalização no dia da virada de ano
Crédito: Divulgação/Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro/Direitos Reservados

No segundo dia de fiscalizações de medidas restritivas para conter o avanço da pandemia de covid-19, a prefeitura do Rio de Janeiro registrou, no sábado (27), 864 autuações, entre multas e interdições a estabelecimentos, infrações sanitárias, multas de trânsito, reboques e apreensões de mercadorias.

Entre as autuações, foram aplicadas 60 multas a bares, restaurantes e ambulantes. Também foram fechados 19 estabelecimentos em desacordo com as regras determinadas pelo decreto municipal que prevê que, de sexta-feira (26) até o próximo domingo (4), serviços e comércios não essenciais estão proibidos de funcionar com atendimento presencial.

Na lista de estabelecimentos proibidos de atender clientes de forma presencial estão bares, lanchonetes, restaurantes e quiosques em geral, incluindo os da orla marítima.

Os comboios de fiscalização percorreram as localidades de Santa Cruz, Méier, Bangu e zona sul da cidade. As fiscalizações também contaram com bloqueios móveis em pontos estratégicos para coibir a entrada de ônibus e vans fretados que estivessem descumprindo as determinações da prefeitura.

A operação contou com agentes da Secretaria Municipal de Ordem Pública, Guarda Municipal, do Instituto Municipal de Vigilância Sanitária e com o apoio da Polícia Militar do Rio de Janeiro.


Notícias relevantes: