Últimas

Flexibilização de medidas contra covid amplia visitação a cemitérios


Marcello Casal JrAgência Brasil
Dia de Finados no cemitério Campo da esperança em Brasília
Crédito: Marcello Casal JrAgência Brasil

Este é o segundo ano consecutivo em que as visitas aos cemitérios no Dia de Finados, celebrado hoje (2), ocorrem em meio à pandemia de covid-19. No Distrito Federal (DF), mais de 500 mil pessoas deverão passar pelos seis cemitérios, de acordo com estimativa do governo local. Nas unidades, localizadas na Asa Sul, em Brazlândia, no Gama, em Planaltina, Sobradinho e Taguatinga, serão oferecidos atendimentos com psicólogos, orientações e serviços de ouvidoria. 

O Corpo de Bombeiros Militar do DF deixará viaturas nos estacionamentos para facilitar os atendimentos, caso necessário. A Polícia Militar fará a segurança nas imediações dos cemitérios a pé e motorizada. 

Os estabelecimentos ficarão com os portões abertos das 7h às 19h. Os visitantes precisarão seguir os protocolos de segurança contra a covid-19, como o uso de máscara e de álcool em gel. Não haverá limitação de pessoas por grupo, como aconteceu em 2020.

Veja como será a visitação aos cemitérios nas principais capitais do país.

Belo Horizonte 

Em Belo Horizonte (MG) serão permitidas visitas aos cemitérios municipais, que poderão ocorrer de forma livre, sem necessidade de agendamento, no período das 7h às 17h30. De acordo com a prefeitura, a medida foi adotada com o aval do Comitê de Enfrentamento à Covid-19.

Por medida de segurança, as tradicionais missas e celebrações do Dia de Finados permanecem suspensas e não ocorrerão nos cemitérios. A prefeitura recomenda que as famílias levem suas próprias flores (são permitidas somente as naturais), pois não haverá venda no local, e garrafinha, já que os bebedouros estarão operando apenas na função de reabastecimento, sem consumo direto no equipamento.

Permanecem as orientações do uso obrigatório de máscara, cobrindo a boca e o nariz, durante toda a permanência no cemitério e recomenda-se a manutenção de todas as medidas preventivas já praticadas e conhecidas pela população, como o distanciamento de outras pessoas em, no mínimo, 2 metros, sem aglomerações. Nas portarias será disponibilizado álcool em gel 70%.

São Paulo

Na capital paulista, o Serviço Funerário e a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) estão preparados para a movimentação de cerca de 100 mil pessoas, que visitarão os 22 cemitérios municipais. As unidades funcionam das 7h às 18h.

O público deverá seguir os protocolos de prevenção da covid-19, a fim de proteger a saúde dos visitantes e evitar aglomerações. Haverá medição de temperatura nas entradas das unidades. Máscaras e álcool em gel serão disponibilizados em pontos estratégicos.

A CET vai monitorar o trânsito nas imediações dos cemitérios das 6h às 18h. Para obter mais informações sobre as alterações do trânsito no entorno dos cemitérios, acesse aqui

No mesmo feriado em 2020, quase 84 mil pessoas visitaram os 22 cemitérios municipais, e a expectativa é de que neste ano cerca de 100 mil pessoas prestem homenagens aos parentes e amigos falecidos.

Para evitar filas nos atendimentos e portões de entrada, o número de funcionários será reforçado, com o apoio de equipes que atuam na área administrativa do serviço funerário.

Curitiba

Em Curitiba, os cemitérios municipais São Francisco de Paula, Santa Cândida, Água Verde, Boqueirão e Zona Sul estarão com os portões abertos das 7h às 18h.

Além das homenagens individuais, ministros e diáconos ligados à Arquidiocese de Curitiba e pastores da Igreja Universal do Reino de Deus estarão nas entradas de algumas das necrópoles para atendimentos individuais a quem desejar. Não haverá missas e cultos. De acordo com a prefeitura, outras correntes religiosas não oficializaram pedidos para celebrações.

Os visitantes deverão manter o distanciamento, fazer o uso obrigatório de máscaras e a higienização frequente das mãos.

Salvador

Os dez cemitérios municipais de Salvador, situados em Paripe, Periperi, Plataforma, Pirajá, Brotas, Itapuã e ilhas de Maré, Bom Jesus dos Passos e dos Frades (Ponta de Nossa Senhora e Paramana), funcionam no período das 8h às 16h neste Dia de Finados. 

A administração dos cemitérios informa que não será necessário agendar a visita, mas haverá atenção redobrada, para evitar aglomerações e garantir o distanciamento social e o uso de máscaras, devido à pandemia.

Segundo o governo municipal, não haverá aferição de temperatura,  já que a medida foi revogada na última sexta-feira (29) em Salvador.  

As equipes nos cemitérios municipais estarão presentes para orientar o público, no sentido de evitar aglomerações.  Nos cemitérios municipais, não haverá realização de cultos religiosos.

Manaus 

Os dez cemitérios de Manaus (AM), seis na capital e quatro na zona rural, devem receber 500 mil pessoas, informou a prefeitura. Os cemitérios funcionam de 7h às 18h, e mais de mil servidores municipais atuarão no atendimento e orientação ao público, entre eles funcionários da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana, em parceria com as demais pastas do Executivo municipal.

Além da logística montada na entrada dos cemitérios, com distribuição de máscaras e aplicação de álcool em gel, equipes da Secretaria Municipal de Saúde também estarão nos locais orientando a população. Não há previsão de realização de cultos e missas nos cemitérios públicos da capital amazonense.

Rio de Janeiro

Na capital fluminense, o uso de máscara foi liberado em lugares abertos e, por isso, não será exigido, mas recomendado, informaram as concessionárias que administram os cemitérios da cidade. De acordo com o decreto que flexibiliza o uso de máscara, em ambientes fechados e transportes públicos, a obrigatoriedade da proteção facial continua valendo.

A Reviver Rio, que administra sete cemitérios do município, informou que haverá aferição de temperatura e uma série de outras medidas protetivas contra a covid-19 para receber os visitantes que forem ao Cemitério São Francisco Xavier (Caju), com todo o protocolo de segurança recomendado. O horário de visitação será das 7h às 18h, com missas celebradas de hora em hora, a partir das 8h. 

A Reviver informou ainda que para apoio aos visitantes, técnicos de enfermagem estarão à disposição para atendimentos, com aferição de pressão e glicose, se necessário. Serão instalados banheiros químicos e totens de álcool em gel para higienização das mãos.

Os demais cemitérios administrados pela concessionária - Cacuia, Ricardo de Albuquerque, Murundu, Guaratiba, Paquetá e Santa Cruz - estarão abertos para visitação das 7h às 18h, seguindo as mesmas medidas.

Além do Cemitério do Caju, missas também estão programadas para os de Guaratib, às 8h e às 10h; Ricardo de Albuquerque, de hora em hora, das 8h às 16h; e Santa Cruz às 8h, às 10h e uma celebração especial às 16h, com o cardeal dom Orani Tempesta. Equipes da CET-Rio, da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros e da Guarda Municipal darão apoio à programação.

A Concessionária Rio Pax informou que, considerando o período de pandemia, os protocolos de segurança serão reforçados; assim como a disponibilização de álcool em gel, aferição de temperatura, os indicadores de distanciamento nas entradas e saídas e nas administrações. 

“Recomendamos o uso da máscara pelos visitantes dentro das necrópoles, uma vez que ainda existem sepultamentos de pessoas cuja causa morte foi a covid-19, e o cortejo é acompanhado por parentes das vítimas. É válido ressaltar que todos os colaboradores dessa concessionária estarão utilizando máscaras em todos os ambientes”,disse a concessionária em nota à Agência Brasil.

A Rio Pax administra os cemitérios de Campo Grande, Irajá, Inhaúma, Jacarepaguá, Piabas e São João Baptista. Os locais terão os portões abertos até as 19h.

Nos locais haverá equipes à disposição para atendimento aos visitantes, como vigias e técnicos de enfermagem, entre outros, para o cumprimento dos protocolos de segurança.

Haverá missas, cultos e celebrações afro-brasileiras em todos os cemitérios, conforme solicitação de seus representantes.

Missas

Nos cemitérios de Irajá, Inhaúma e São João Baptista haverá missas de hora em hora, das 8h às 17h 

No cemitério de Jacarepaguá as missas serão às 10h e às 15h. 

Em Campo Grande haverá duas missas, às 10h e às 14h. 

No cemitério de Piabas uma missa está programada para as 10h. 

Cultos

A Igreja Universal, por meio do Grupo Consolador, está presente em todas os cemitérios das 8h às 17h.

Celebrações afro-brasileiras

No cemitério de Inhaúma, a Tenda Espírita Caboclo Pena Verde realizará evento religioso das 8h às 16h.


Notícias relevantes: