Últimas

Morre Rubens Caribé, galã dos anos 1990 e ator de 'Anos Rebeldes' e 'Fera Ferida'


Divulgação
Morre Rubens Caribé, galã dos anos 1990 e ator de 'Anos Rebeldes' e 'Fera Ferida'
Crédito: Divulgação

Morreu na manhã deste domingo (5), em São Paulo, o ator Rubens Caribé, que esteve na minissérie "Anos Rebeldes" e na novela "Fera Ferida", além de ter sido um nome relevante do teatro paulista a partir dos anos 1990. Ele tinha 56 anos.

Ele sofreu uma parada cardíaca enquanto realizava um procedimento do tratamento que fazia para tratar um câncer na língua. A morte foi confirmada por seu marido, o produtor Ricardo Severo.

Caribé estreou há 35 anos no musical "Hair" e também fez parte do Teatro do Ornitorrinco, companhia em que interpretou clássicos como Shakespeare e Molière.

Já no início dos anos 1990, o artista foi para a TV Globo e esteve na minissérie "Anos Rebeldes", clássico de Gilberto Braga, e "Fera Ferida", novela de Aguinaldo Silva também no panteão da teledramaturgia do país.

Nos anos seguintes, o ator migrou para novelas do SBT, como "Sangue do Meu Sangue" e "Os Ossos do Barão", e da Band, caso de "Serras Azuis".

Rubens Caribé também marcou o auge da revista G Magazine, destinada ao público gay, com um ensaio nos anos 2000. Era o momento em que celebridades começaram a ser capa da publicação, e hoje a edição original com o ator é vendida em ecommerces como um artigo de coleção.

No teatro, ele esteve nos últimos anos em montagens como o "O Julgamento Secreto de Joana D'Arc" e "Amor de Dom Perlimplim com Belisa em Seu Jardim", com texto de Federico García Lorca. Um de seus últimos trabalhos no audiovisual foi na série "Cidade Invisível", da Netflix, do ano passado.

Ricardo Severo conta que ainda há trabalhos como filmes e podcasts que o artista criou que serão lançados postumamente.


Notícias relevantes: